Páginas

Busca

Translate

02/11/2012

‘Dia dos Finados’–A verdade

dia dos finados

O dia dos ‘Fieis Finados’,  é uma data comemorativa estabelecida pela igreja Apostólica Romana a fim de que as pessoas que perderam seus entes queridos possam ter um dia dedicado para lembrá-los e homenageá-los com flores, velas, rezas e afins. Até ai tudo bem, essa é a parte bonitinha da história. O que muitos desconhecem é a origem da respectiva data e sua comemoração e o real sentido de muitos simbolismos que não são dos melhores. Quer saber? Vamos então descobrir!

O surgimento provável dessa data e a pratica de homenagear os mortos vem de longa data, mais precisamente entre os anos 1900 – 600 a.C. pelos Celtas da antiga Europa, e o motivo é ainda mais curioso. Para começar, o ano Celta era baseado nas estações de plantio e colheita. O  ano se iniciava em 1º de Novembro e findava em 31 de Outubro, justamente durante os períodos de Outono e Inverno para o Hemisfério norte, e obviamente era um período festivo.

abobora-10756Eles acreditavam que este era o período em que os mortos se aproximavam dos vivos, por isso eles realizavam festas e cada um carregava consigo uma vela, ou luminária feita em gomos de bambu. Alguns textos que relatam os costumes deles dizem que essas luminárias também eram feitas em aboboras esvaziadas e esculpidas com o formato de cabeça (símbolo principal do Halloween – Dia das Bruxas na atualidade) com a finalidade de iluminar o caminho dos parentes falecidos que lhes visitariam ou receber perdão de quem eles fizeram sofrer.

Com o avanço do Império Romano, os Celtas foram dominados e as culturas foram se misturando, até que enfim chegou o período da cristianização romana, onde a igreja adaptou várias datas comemorativas já existentes na cultura de povos antigos para o ambiente cristão. Acredita-se que o Dia dos Finados tenha surgido com base na comemoração Celta, já que até a data estabelecida foi praticamente a mesma, assim como os costumes e elementos.

Desde o Século II alguns Cristãos já rezavam por seus entes ao visitarem os túmulos. Mas foi no Século XI em que os Papas Silvestre II, João XVII e Leão IX, obrigaram a comunidade a dedicar um dia aos mortos. E então no Século XIII o Dia dos Finados passa a ser comemorado em 02 de Novembro como o é até hoje, justamente para dar continuidade as festividades do dia 01, Dia de Todos Os Santos,² e é muito provável que as comemorações do dia 31 de Outubro também estejam correlacionadas.

220px-Catrinas_2

 

Coincidentemente os nativos mexicanos já possuíam o Dia de Los Muertos antes da chegada dos espanhóis por lá, e era comemorado assim como é até hoje. Entre os dias 31 de Outubro e 02 de Novembro,  eles comemoram com festas, e creem que os espíritos vem visitá-los. A igreja apenas adaptou o que já era praticado ao seu rol de festividades.

 

NOTA: A igreja Católica não teve base bíblica ao estabelecer o Dia dos Finados como uma comemoração cristã, a não ser a alegação presente em II Macabeus 12:43-46 e Tobias 12:12, livros cuja inspiração divina é questionável. (Mas isso já é pauta para outra história). Sem contar que a história nos revela apenas uma adaptação por parte da igreja a uma prática de povos pagãos. Isso quer dizer que você não pode sentir saudades de quem já morreu? De forma alguma! Afinal, a saudade por aqueles que foram tirados de nós tão bruscamente por meio da morte é inevitável. A única coisa que Deus em lugar algum de sua palavra defende é a ideia de que devemos acender velas, rezar ou festejar em homenagem àqueles que dormem aguardando a manhã da ressurreição.

“…mas os mortos nada sabem...” Eclesiastes 9:5.

“…assim quem desce à sepultura não volta.” Jó 7:9.

“…Nosso amigo Lázaro adormeceu, mas vou até lá para acordá-lo”. João 11:11.

“Pois, dada a ordem, com a voz do arcanjo e o ressoar da trombeta de Deus, o próprio Senhor descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro.” 1 Tessalonicenses 4:16.

Apesar de ser difícil e doloroso crer que quando nossos queridos dormem nós não podemos ter um contato espiritual com os mesmos, Deus nos conforta nos dizendo que um dia os acordará, e os levará junto conosco para as mansões celestiais, para vivermos uma eternidade sem dor, morte ou sofrimento. Portanto não se iluda com essas mensagens distorcidas que se quer preenchem o vazio causado pela dor da perda de quem amamos, mas viva com a Esperança de que um dia Jesus voltará e acabará de uma vez por todas com a morte!

“…. Pois a trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis e nós seremos transformados.” 1 Coríntios 15:52.

“Ele enxugará dos seus olhos toda lágrima. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor, pois a antiga ordem já passou.” Apocalipse 21:4.

Jesus_Volta 029

Fontes de pesquisa:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Dia_dos_Fi%C3%A9is_Defuntos
http://pt.wikipedia.org/wiki/Festa_do_dia_dos_mortos
http://amems.org/amems/index.php?option=com_content&view=article&id=512:finados&catid=96:3d-computer-graphics&Itemid=440
http://pt.wikipedia.org/wiki/Celtas

Todos os textos bíblicos transcritos estão na Nova Versão Internacional – NVI.