Páginas

Busca

Translate

29/03/2012

EUA Sem Pornô!

no-porn

Pode parecer impossível e surreal ver o maior produtor de pornografia do mundo ser proibido de dar continuidade ao negócio mais rentável do mundo. Para uns seria motivo de Graças aos Céus, para outros um motivo a mais de causar um alvoroço não só nas ruas mas principalmente na Internet. Os EUA podem sim ficar sem pornô na internet se o atual candidato a presidência Americana, Rick Santorum, for eleito!

20120320151814Rick Santorum, o pré-candidato americano para a eleição presidencial de novembro nos Estados Unidos, afirmou em seu site oficial que não concorda com a política de Barack Obama referente à pornografia na internet. Segundo ele, o governo atual não teria lidado tão "rigorosamente" com casos de conteúdo pornográfico como fez o ex-presidente George W. Bush.
Santorum disse no programa State of the Union, da rede CNN, que o presidente Obama "parece favorecer a pornografia relacionada a crianças e família" porque se recusou a fortalecer leis contra a obscenidade. O ex-senador da Pensilvânia ainda declarou que cada família deve agora se preocupar com os danos dessa atitude.
"A pornografia [na web] é prejudicial para casamentos e relacionamentos. Contribui para o machismo, violência contra as mulheres, prostituição e tráfico sexual. Como pai, estou preocupado com a ampla distribuição de pornografia obscena ilegal e seus efeitos profundos sobre a nossa cultura", apontou.
O pré-candidato afirmou que, se eleito, aplicaria com rigor as leis de obscenidade federais e ainda nomearia um Procurador Geral para fazê-lo. A intenção é proibir rigorosamente a distribuição de conteúdo pornográfico na internet, na televisão a cabo ou satélite, em TVs de hotel ou motel, entre outros locais. O objetivo, como disse Santorum, é proteger as crianças e famílias.”
 
 
OBS.: O Candidato promete muita polêmica até as eleições. Quer dizer, o bicho já está pegando pro lado dele, já que a proibição da união civil Gay já está na lista dele, e durante seu discurso, um casal Gay se agarrou aos beijos como protesto. E recentemente ele revelou o plano de controlar a pornografia na rede,  que cresce vertiginosamente e que invade nossos lares de forma sutil e avassaladora. Não vai demorar muito para que os enganados viciados nesse mal se oponham em protesto e defesa da pornografia.
 
Realmente a posição do candidato é plausível ao não ser mais um que aprova coisas tão repugnantes mesmo com a pressão de uma minoria militarista que está prestes a acabar com qualquer um que se opõe a eles. Isso só mostra o desafio que nós como Cristãos teremos se quisermos defender nossas famílias.