Páginas

Busca

Translate

18/01/2012

Mais um Mix entre Santo e Profano

Deus-eu-te-quero8

O Departamento da música Gospel tem avançado surpreendentemente no meio Secular ultimamente. O que antes eram apenas pequenas participações  nos programas dominicais do SBT e da Globo, agora tem se tornado uma fonte fiel de lucros dos fieis fãs das popstoras e popstores, isso sem contar com a explosão das igrejas inclusivas, que são totalmente o contrário das igrejas fundamentalistas e conservadoras, como eles consideram. (Leia mais aqui) Para os “otimistas” esse é um passo importante para o cumprimento da ordem deixada por Cristo, que é a de pregar o evangelho. Mas para os “pessimistas”, como eu, tal “avanço” é preocupante e vergonhoso devido a profanação do que é Santo. E mais um episódio vai para o “Guinness da Secularização do Gospel”.

O jovem da foto acima, cujo nome não consegui identificar, foi um dos vários “abençoados” que fizeram um parodia “divina” do hit “Ai se eu te pego” do Michel Teló. Eu descobri o “abençoado” enquanto eu navegava pelas noticias do site da ‘Época’, e a façanha dessa distinta criatura virou noticia na página da revista eletrônica.

Quando me deparei com a paródia não soube se ria pela falta de criatividade e abuso do ridículo, ou se me enojava com tamanha falta de respeito com a música Cristã, e principalmente o nome de Deus!

Me surpreende ver como os jovens estão perdendo os bons valores e costumes, e principalmente a maneira correta de adorar o Senhor Deus. Isso me faz lembrar de Caim e Abel, (Gn. 4:1-16), os quais ofereçam sacrifícios em adoração a Deus, mas apenas uma forma de adoração foi aceita, a de Abel por ter levado o que Deus tinha pedido, enquanto Caim achou que poderia fazer da maneira dele.

Não quero aqui dizer que a adoração da igreja X é certa em relação à  igreja Y, não, de maneira alguma! Mas é importante ressaltar que nem todas as maneiras que achamos licitas para adorar o Senhor realmente o são! Deus impõe o limite em adora-lo naquilo que O agrada, e não naquilo que NOS agrada! “Portanto façam tudo com decência e ordem”. 1Co. 14:40.

‘Ordem e decência’, são estes os alicerces para nossa adoração a Deus, principalmente no tocante à música, algo que tem perdido os limites entre o que deve ser levado a Deus ou não! Precisamos tomar cuidado para não nos deixar levar por nossos próprios gostos musicais, e continuar ainda mais longe de Deus.

 

Para os curiosos aqui vai o vídeo.